quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Paixão


Abram as cortinas que eu cheguei!
Cheguei assim de forma brusca sem avisar que foi pra pegar de supetão e causar, afinal causar é meu sobrenome...
Virem pescoços, derramem os líquidos em seus preciosos copos pois sou aquela que chega, chegando!
Poderosa de salto agulha rebolando pela cidade, arrancando suspiros enquanto ouço o murmurinho falando de mim!
Sim sou ela, aquele e aquela que diz assim...
É aquele que não presta, então vai lá e se desespera que eu te dou uma mãozinha escada a baixo menina.
Sim não tem erro não, ou não me chamo PAIXÃO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário